O Reino das Vozes que Não se Calam - Carolina Munhóz E Sophia Abrahão

11 abril


Se você encontrasse um lugar onde todos o aceitassem, seria capaz de abandoná-lo?
O livro conta a história de Sofhie, uma menina triste e introspectiva, e sua relação com a família e amigos, a tristeza que ela sente é algo que está nela e é o tema principal do livro.

Na escola as coisas não são fáceis, com um corpo magro, cabelos ruivos e pela alva, é alvo de comentários maldosos e piadas, menos de sua popular amiga Ana.
Ana e Sofhie possuem uma relação de amizade única, uma é extremamente tímida e solitária e a outra é extrovertida e popular, Ana procura ajudar a Sofhie com os amigos, mas nada adianta e em uma das tentativas as duas acabam brigando.
Agora mais do que nunca Sophie se sente sozinha e traída, mas durante o sono daquela noite, se sente sugada e ao acordar se depara em um lugar muito diferente: um mundo colorido, alegre e amoroso, onde ninguém a julga por sua aparência e ela é amada. Sofia fica encantada e procura de todas as maneiras voltar para este novo mundo, se afastando cada vez mais de sua realidade.
É com a chegada de um novo garoto da escola que Sophie se transforma, e partoe em uma jornada de autoconhecimento maravilhosa.
O livro é uma delicia de ler!! Com um escrita leve e jovial e uma playlist ÚNICA!!!!
Me fez refletir sobre esta tristeza e solidão que muitos adolescentes sentem, e que eu também sentia, e como esta tristeza é revelada nas músicas preferias de Sophie. Minha playlist da adolescência não era muito diferente da dela, assim como os sentimentos de não pertencer a lugar algum e a incompreensão e preocupação dos pais.
Para mim este livro fala transição da adolescência para a fase adulta, quando nos descobrimos alguém e arranjamos um lugar no mundo! Como psicóloga foi impossível não fazer esta relação!

Um livro riquíssimo em imagens (na minha cabeça pelo menos) e de sentimentos!!
Só não ganhou coração pois senti falta de mais trama e de mais complexidade, ele não ficou na minha cabeça, nem me instigou a ler compulsoriamente.
Mas podem ter certeza que vou indicar para todos os pais dos meus pacientes adolescentes!!!!

TAMBÉM IRÁ GOSTAR DE

0 comentários